SPFW Verão 2011 – Dia 4

 Borbolets, em primeiro lugar eu quero pedir desculpas pelo sumiço, fiquei doentinha e não teve jeito de consegui aparecer! Estou mega atrasada para mostrar os desfiles, e sei que vocês já devem ter visto tudo né?! Mas enfim, eu não gosto de deixar as coisas pela metade, então vejam os desfiles do quarto dia (12.06). Voilà

REINALDO LOURENÇO

Automobilismo e haute couture 60’s? Impossível? Não para Reinaldo, que usou e abusou dos dois temas como suas referências para o verão. Do automobilismo tivemos ranhuras das pistas, os recortes e as formas esportistas. Os tons fluor como o pink, amarelo e tomate tomaram conta da passarela. Já da haute couture, ele buscou recriar a silhueta, deixando tudo bem sessentinha e abusando do trabalho artesanal. Enfim, o desfile foi um mix perfeito entre o casual e o luxo, tudo bem feminino mas com aquele perfume sensual.  

JEFFERSON KULIG

Uma explosão de cores, texturas e tecidos que nos fazem desejar tocar nas peças, para saber do que é feito!

ANIMALE

So sexy! Um verão onde o vestido curto e estruturado é o ponto forte, e o mix de materiais é must have! O tom de roxo foi o queridinho da coleção, e o detalhe foram as sandálias geométricas. Raquel Zimmermann foi a celeb escolhida para levar a platéia a loucura, e entrou com um look roxo glam.

ANA SALAZAR

Desconstrução para tudo quanto é lado, assim foi o verão de Ana! Nos looks mais inusitados, temos os blazers-vestido (onde temos um de cada lado!) e as jaquetas sem costas (?). No ínicio o pretinho básico dominou a passarela, depois o verde e amarelo entrou em cena, também vimos muito mix de texturas (juro que não aguento mais falar isso! tendência repetitiva para esse verão), e muuitos zíperes e fivelas. Confesso que não me agradou, esse é um desfile tão surreal, tão impossivel de ser usado diariamente ….

ADRIANA DEGREAS

Que poder! Adri estreiou nas passarelas paulstas, com übertops como a  Eva Herzigova e a Shirley Mallmann. A inspiração para a estréia foram as pool parties da década de 30, que contava com a presença de divas master! Sua coleção foi sofisticada , com hot pants eróticas, maiôs comportados e muito mais. Aqui também encontramos um vasto mix de texturas e tecidos, e o destaque fica por conta dos biquínis com cara de lingerie das antigas. As cores de seu verão são neutras, muito nude, preto e rosa – queimado (que está em tudo!)

LINO VILLAVENTURA

Um espetáculo, e não desfile. Sua coleção é definida como um quebra-cabeça, onde temos forte presença  do patchwork. O detalhe que mais chamou atenção foram os sutiãs floridos que as tops usavam por baixo de blusinhas e macacões. O show iniciou com tecidos fluidos e soltos, e depois seguiram a linda a rigidez desse verão.  

bisous, L

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Desfiles, Moda

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s